Home » Notícias » Abrasel/PB e Governo do Estado assinam edital do programa ‘Primeira Chance’

Abrasel/PB e Governo do Estado assinam edital do programa ‘Primeira Chance’

Arthur Lira assina edital do programa Primeira Chance

A Associação de Bares e Restaurantes da Paraíba (Abrasel/PB) e o Governo do Estado da Paraíba se reuniram na manhã de ontem (28) para a assinatura do edital do programa ‘Primeira Chance’. A ação contou também com a presença dos outros envolvidos com o programa, como a Associação Brasileira de Indústrias e Hotéis (ABIH) e a Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), e firmou a parceria entre as instituições e o governo. O programa é direcionado para egressos e concluintes do 3º ano do ensino médio das escolas técnicas do estado e, no total, deve beneficiar mais de 2.500 jovens.

O presidente da Abrasel/PB, Arthur Lira, afirma que esse momento representa a responsabilidade social que a associação tem em promover oportunidades para os jovens ingressarem no mercado de trabalho. “O programa oferece o estágio remunerado, o que significa uma inclusão também econômica desses jovens. Cada um deles será monitorado, terá um acompanhamento do Governo do Estado, o que é importante. Os jovens vêm comprometidos em ajudar, em aprender, e essa é mais uma forma de promovermos a inclusão dentro dos estabelecimentos. Torço para que esse programa se torne ainda maior e alcance toda a Paraíba”, ressalta.

Nesta primeira etapa, com as assinaturas dos editais, o ‘Primeira Chance’ deve beneficiar, até o final do ano, cerca de 230 jovens que, além da possibilidade de ingressar no mercado de trabalho, receberão uma bolsa-auxílio fornecida pelo governo. Alunos dos cursos técnicos em hotelaria, turismo, administração, enfermagem, informática, agronegócio, vendas, técnicos em calçados, programação de jogos digitais e cozinha terão oportunidades durante todo o programa.

Para Cláudio Furtado, Secretário Executivo da Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia da Paraíba (SEECT), esse momento é importante para o Governo do Estado pela representatividade social e incentivo à educação. “A nossa ideia é que essa seja uma continuidade do que os estudantes aprendem no dia a dia e para que eles estejam inseridos no meio produtivo. Iniciamos por esses setores pela representatividade que eles possuem no nosso estado, e é um prazer que os jovens formados pelas escolas técnicas tenham essa oportunidade, um momento para que os seus projetos de vida tenham continuidade e que o setor também cresça”, finaliza.